sexta-feira, 29 de julho de 2016

AS QUATRO SERGIPANAS E SUAS DESCENDÊNCIAS


Em Povoamento do Cariri ) p 131) Padre Antonio Gomes  faz menção a várias personalidades cratenses  que descendem das 4 sergipanas ( Apolônia Correia de Oliveira, Bárbara de Oliveira. Luzia de Oliveira e Deusidéria  Pereira de Oliveira) que eram filhas do casal Antonio de Oliveira ( Portuguê, F. 1680)) e Isabel Correia de Oliveira( B. Sergipe).  Das 4 sergipanas, que na segunda metade do século 18 já se encontravam na região,  descendem boa partes das famílias cratenses.
I - Apolônia Correia de Oliveira c.c. José Pereira Lima Aço;
II - Bárbara Correia de Oliveira  c.c. Leão da Franca.
III - Desidéria Correia de Oliveira ( de Andrade Pereira) c.c. João Gonçalves Diniz;
IV - Luzia Correia de Oliveira ( ou de Oliveira Gusmão), b em Sergipe) c.c. Mateus Ferreira Lima( b em São Matheus)
I - APOLÔNIA
1 -  Apolônia  Correia de Oliveira era a filha mais velha do casal Antonio  de Oliveira e Isabel  Correia de Oliveira,  e casou-se  com o português José Pereira Lima Aço, de Bacelos, no ano de 1702, na Vila de Penedo, transferindo-se, depois de algum tempo para o sítio  Corrente,  pertencente hoje  ao município do Crato, onde fixaram residência, onde constituíram família, sendo pais de duas filhas, a saber:

1.1 – Francisca Pereira de Oliveira, nascida em Crato e casada com  o português  Tenente Coronel Antonio José Batista e Melo, advogado na Vila do Crato, atuando, também, como  Diretor dos índios no Cariri Novo.
1.2 Ana Apolônia Maria de Oliveira, sem mais informações

DESCENDÊNCIA  DO CASAL Francisca Pereira de Oliveira/  Antonio José Batista e Melo
Netos de Apolônia e José Pereira Lima Aço
1.1.1 Maria da Conceição Batista- Cratense  c.c. Antonio Pereira Martins Parente( baiano), moradores que foram do sítio Cabreiros – Crato;
1.1.2 Teresa de Jesus  Batista,cratense, c.c. o português Domingos Pedroso Batista – tronco dos “Pedroso” do Crato;
1.1.3 Matildes Francisca de Oliveira, natural de Crato c.c. Manuel Joaquim Telles( Capitão) , sergipano, domiciliado  n o sítio “Miranda” em termos de Crato – Tronco dos Marrocos Telles, do Crato;
1.1.4 Romão José Batista( Capitão), cratense  c.c. Angélica Romão Batista , natural de Milagres, sendo avós do Padre Cícero  Romão Batista;
1.1.5 Francisco Romão  Batista -  nascido em Crato, falecido aos 38 anos de idade;
1.1.6 Isabel  Maria da França – Yayá Zabel, nascida em Crato c.c. Manuel Ferreira Lima. Eram os pais do Padre Joaquim Ferreira Limaverde e Maria Isabelda Penha – troncos da família Ferreira Limaverde e da família “Maia” do Crato;
1.1.7 José Batista Melo, sem mais informações;
1.1.8 Rosa Fideles Melo;
Do casal Maria da Conceição Batista- Cratense  c.c. Antonio Pereira Martins Parente – 1.1.1 – nasceram doisi filhos, a saber:
1.1.1.1  Josefa de Jesus  Batista c.c. José Ferreira Lima Sucupira, Padre (  1.781 a 1867;
1.1.1.2  Antonio Pereira Gonçalves Martins Filho c.c. Joana Batista do E. Santo.
Do casal  Joséfa  de Jesus Batista e José Ferreira Lima Sucupira -  (1.1.1.1) procedem:
1.1.1.1. 1 – Antonio Ferreira Lima Sucupira;
1.1.1.1.1 – Antonio Ferreira Lima Sucupira c.c. Carolina Clarence  Alencar Araripe, no dia 30.11.1833, sendo ela filha de Tristão Gonçalves de Alencar  e Ana Porcina Ferreira Lima,sendo ambos da linhagem  das quatro sergipanas.
1.1.1.1.2  – Rosendo  Ferreira Lima Sucupira;
1.1.1.1.3 -  Filadelfia Ferreira Lima Sucupira;
1.1.1.1.4 – Gertrudes Ferreira Lima Sucupira;
1.1.1.1.5 – Rosa Ferreira Lima Sucupira;
1.1.1.1.6 – Cândida  Ferreira Lima Sucupira;
Nota: José Ferreira Lima Sucupira nasceu em Crato no dia 08 de setembro de 1781, tendo acrescentado em seu nome o SUCUPIRA pelo sentimento  nativista. Ao enviuvar, ordenou-se  padre, tendo falecido em Fortaleza em 25.01.1867, aos 86 anos de vida. 
II - DESIDÉRIA

2 - Desidéria Correia de Oliveira – a  Velha ( ou Desidéria de Andrade Pereira) c.c. João Gonçalves Diniz- Português, com quem já  em 1748 residia  no sítio Cabreiros, hoje termo de Crato.  Deste casal promanam  os Ferreira Lima, os Alencar Araripe, Os Leite de Oliveira, Marrocos Telles, Alves de Figueiredo, Macedo Pimentel, Cardoso e Maciel.Tiveram 4 filhos, a saber

2.1.José Gonçalves Diniz;
2.2 – Teresa de Jesus Maria José  c.c. Alexandre Leite de Oliveira ( português, sacerdote);
2.3 – Germana Maria  Gonçalves  c.c. José Vitorino Maciel – Capitão)( Figura representativa do Crato em  1853, tendo sido Deputado Provincial  de 1838); Eram os pais de 
1,3.1 – José Vitorino Maciel, filho
2.4 – Maria José  de Oliveira – Mazé,b em Crato c,c, José Cardozo Botelho( Português), de Braga, depois de casados vieram  residir no sítio Cabreiros – Crato, depois, mudando-se para o sítio Pau Seco, daí a denominação de Familia do Pau Seco. Deste casal  procede a família Ferreira Lima, através de Desidéria II – neta- que recebeu  o mesmo nome  da avó, c.c. Joaquim Ferreira Lima ( Cel)  filho de Luzia de Oliveira Gusmão e Mateus Ferreira Lima, tio do Padre Joaquim Ferreira Limaverde – tronco dos Limaverde e de Maria Isabel da Penha – tronco dos Maia do Crato
Filhos do casal Joaquim Ferreira Lima e Dediséria (II) Maria do Espírito Santo:
1 – Joaquim Ferreira Lima Seca – Padre
2 – Manuel Ferreira Lima  - Maninho, c,c, Maria Alves Feitosa, pais de 
2.1 – Vicente Alves de Lima c.c. Isabel Batista de Lima, pais de
2.1.1 – Pedro Alves de Lima c.c. Ana Alves de Figueiredo, pais de 
2.1.1.1 -  José Alves de Figueiredo c.c. Emília  Moreira Viana, pais de ( José de Figueiredo Filho, Mário, Letícia, Aníbal, Emília9Lili)
3 – João Franklim de Lima c.c. Maria Brasileira de Alencar
4 – Vicente Amâncio de Lima c.c. Tereza Augusta de Lima em 1ªs núpcias e c.c. Clara de Macedo em 2ªs núpcias
5 - Maria Joaquina de Santana c.c. Antonio de Macedo Pimentel ;
6 – Antonio Ferreira Lima;
7 – Ana Pereira de Lima – Ana Triste c.c. Tristão Gonçalves de Alencar Araripe;
8 – Isabel – falecida solteira em Fortaleza
III - LUZIA DE OLIVEIRA GUSMÃO (b.Sergipe) c.c. MATEUS FERREIRA LIMA (b.São Mateus(Atual Jucás)), pais de :
Luzia de Oliveira Gusmão  c/ Mateus Ferreira Lima, que eram os pais de 
3.1 – Manuel Ferreira Lima
3.2- Manuel Ferreira Lima c.c. Isabel Maria da Franca  - Iaiá Zabel, pais de
3.2.1 – Joaquim Ferreira Lima Verde – Padre – tronco dos Limaverde( Ver árvore genealógica);
3.2.2 – Maria Isabel da Penha – tronco dos “Maia” do Crato( ver árvore genealógica).


IV - Bárbara Correia de Oliveira  c.c. Leão da Franca, pais de 
João, pai de ( Antão, José, Beatriz e Maria), sem mais informações.

Das 4 sergipanas descendem, dentro outras, as seguintes famílias
*OS SUCUPIRA E OS ALENCAR, através do casamento de Antonio Ferreira Lima Sucupira c/ Carolina Clarence Alencar Araripe – Carolina Sucupira;
*SÁ BARRETO E CALLOU, através do casamento do Capitão Francisco de Magalhães Barreto e Sá c/ Polucena de Abreu Lima;
*OS PEDROSO , DO CRATO, através do casamento de Teresa de Jesus Batista c/ Domingos Pedroso Batista ( Português);
*O CLÃ ALENCARINO, DO SÍTIO MIRANDA E PAU SECO, através do Casamento de Matildes Francisca de Oliveira / o Capitão Manuel Joaquim Teles;
*OS FERREIRA LIMA, OS ALENCAR ARARIPE, OS LEITE DE OLIVEIRA,  OS MARROCOS TELLES, OS ALVES DE FIGUEIREDO, OS MACEDO PIMENTEL OS CARDOSO E OS MACIEL, que descendem  de Desidéria  Maria do Espírito Santo – A Velha c/ João Gonçalves Diniz;
*OS ALVES DE FIGUEREDO, através do casamento de Mateus Ferreira Lima c/  Luzia de Oliveira Gusmão( uma das 4 sergipanas);
* OS  FERREIRA LIMA VERDE/ OS MAIA, através do casamento de Luzia de Oliveira Gusmão  c/ Mateus Ferreira Lima.

Fonte: 
01 – GOMES, Padre Antonio, Povoamento do Cariri.  Faculdade de Filosofia do Crato, 1973
02 – MONTENEGRO, F.( Pe), As Quatro Sergipanas. Fortaleza: Casa de José de Alencar/Pro grama Editorial, 1996.b

Nenhum comentário: